Home Office: o futuro do trabalho ou o trabalho do futuro?

Muitas empresas já anunciaram que irão alterar sua forma de atuação. A grande maioria que adotou o home office como uma solução temporária para uma situação adversa agora começa a enxergar este formato como uma solução para melhoria do trabalho, aumento de produtividade e, porque não dizer, redução de custos.

O que podemos fazer para ajudar você na sua tomada de decisãoé destacar alguns pontos positivos e alertar para outros não tão positivos! –para que você possa ter o melhor resultado na sua companhia:

  1. A importância da área de TI

Nos dias atuais a área de TI se tornou o coração da empresa. Pessoas trabalhando em home office demandam suporte além de uma internet de qualidade. Vale refletir se a sua estrutura e sua equipe de TI conseguem atender remotamente seus funcionários.Saber setodos os seus funcionários têm acesso a uma boa conexão internet não é suficiente. Será que seu sistema de telefonia comporta as necessidades da sua equipe ou será necessário contratar um PABX Virtual? Será que a estrutura física de servidores para trânsito de arquivos não seria bem melhor com a utilização de armazenamento na nuvem com servidores virtuais? Da mesma forma, servidores na nuvem podem solucionar os problemas de capacidade de celulares, notebooks e desktops mais antigos ao invés de gastar fortunas modernizando o hardware de toda a empresa!

  1. Quais áreas podem ser colocadas em home office?

Durante a crise sanitária de 2020, num primeiro momento todos foram para suas casas.Mas, com aretomada das atividades e pensando na possibilidade de aderir ao home office ou ao trabalho híbrido, quem poderia atuar em casa e quem é fundamental no escritório?Vale a pena adotar um rodízio de profissionais? Estar em home office pode ressignificar muitas atitudes e necessidades do seu modelo de gestão. Que tal pensar à frente e desenvolver as soluções previamente, antes de adotar um modelo universal de home office? A preparação de gestores e das equipes de suporte é primordial para que a transição do escritório para o trabalho em casa seja bem sucedida, sem perda da produtividade no longo prazo.

  1.  Meu funcionário está preparado para o trabalho remoto?

Nem todas as pessoas estão preparadas para atuar em trabalho remoto.Muitos funcionários não dispõem de um ambiente adequado para trabalhar em casa. No curto prazo esse pode ser um problema contornável. Porém, no longo prazo é necessário fornecer equipamento e ferramentas capazes de satisfazer também os requisitos ergonômicos e estruturais do home office. Analisar se os seus colaboradores têm condições de criar um ambiente propício para a concentração e dedicação ao trabalho em suas casas também deve ser uma preocupação da empresa. Em outro momento, funcionários júniores, como estagiários e menores aprendizes, necessitarão de líderes, tutores e gerentes mais próximos e ligados, tanto no andamento do trabalho quanto no aprendizado. Nos cargos de liderança, saber atuar neste cenário requer o conhecimento de ferramentas de suporte, tanto para gestão e acompanhamento do dia a dia, como para reuniões, conferências online e trato com o cliente, por exemplo. Sua empresa pode estar preparada para o home office, mas seus colaboradores necessitarão de muito mais suporte!

  1.  Qual é a minha expectativa?

Administrar expectativas neste momento é saber como navegar neste oceano. No primeiro momento o trabalho pode não sair 100% como planejado: os resultados podem não atingir plenamente os objetivos esperados e as atividades podem demorar a se ajustar à nova realidade.Essa é a importância de planejar e se precaver para que os impactos da mudança sejam absorvidos com boas soluções. Isto deve ser levado em conta desde o início. O mais importante é perceber que tudo funciona como um quebra-cabeça:para cada questão que você responder haverá um infinito de novas dúvidas e novas possibilidades.

Aqui na Agência.bit nós atuamos em formato híbrido e home office há alguns anos, com a parceria de excelentes fornecedores e consultorias capazes de atender nossas necessidades técnicas e de gestão.

Que tal saber um pouco mais sobre esse mundo com a gente? Siga nas redes sociais e continue acompanhando esta série de artigos sobre o home office no nosso Blog!

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *